temas

Entrevista da Semana | Eu Ando pelo Mundo

13/out/2014

Queremos que você descubra um pouco mais da história de cada um dos associados da ABBV e viaje melhor com as dicas bacanas que todos têm para oferecer! Na entrevista dessa semana você vai conhecer a blogueira Juliana Guimarães do Blog Eu Ando pelo Mundo.

amsterdam

1. O que levou você a escrever um blog de viagens? E porque escolheu este nome?

Várias coisas ao mesmo tempo! Eu levava uma vida cheia de stress em plena capital paulista até que em 2011 resolvi pedir demissão e ir viajar, naquele discurso de tentar me encontrar e fazer algo que eu realmente gostasse. Pois é, eu viajei e não me encontrei, mas encontrei meu grande amor! Mas, como o amor não pagava as contas, comecei a enlouquecer atrás de emprego, até que me vi na mesma situação estressante de antes, só que no outro lado do mundo!

Então eu baixei a poeira e comecei a escrever como terapia, contando minhas pequenas experiências para amigos e familiares. E não é que terapia funcionou?! Eu finalmente percebi que podia seguir escrevendo e fazer disso a minha profissão, daí surgiu o blog.

O nome veio por causa da música! “Eu ando pelo mundo… prestando atenção em cores que eu não sei o noooomeeeee…”

2. Qual é o seu perfil como viajante, o que você busca quando pega a estrada?

Eu gosto de explorar as cidades como se eu fosse moradora daquele lugar. Até vou nos lugares turísticos, mas eu prefiro caminhar pelas ruas pouco conhecidas, observar as pessoas que moram ali, conversar com o feirante, com o motorista do táxi, com a senhorinha no supermercado. Adoro entrar em um restaurante escondido e provar a comida do restaurante que o pessoal do bairro vai. Viajar para mim é conhecer o outro e refletir sobre as diferenças, semelhanças de cada cultura.

Quase nunca planejo meus roteiros! Eu compro a passagem e reservo o hotel! A partir daí a viagem é sempre uma descoberta, dependendo do clima, do humor e da companhia decido onde ir, o que fazer, o que comer, etc. Às vezes perco “aquela atração imperdível” mas normalmente o imprevisto me surpreende e como eu adoro improvisar sempre tenho ótimas histórias de viagens.

3. Destaque três posts de que você mais gosta e conte-nos o porquê.

Eu gosto muito do post de Munique, porque eu fiz uma reflexão sobre a cultura de lá. Acho a Alemanha um país modelo no quesito sociedade e neste post aproveitei para fazer um desabafo acerca das diferenças culturais entre Brasil e Alemanha.

Gosto também da série sobre a Sicília, que para mim foi uma viagem muito especial, com várias dicas de amigos de lá. A Sicília é maravilhosa, cheia de história e de controvérsias que me chamaram muito a atenção. A culinária local é deliciosa: pratos à base de peixes, frutos do mar e especiarias com as mais variadas massas, além de doces fora do sério – meu ponto fraco. Gente, eles comem até sanduíche de gelato!!!

Também gosto muito do post Sejamos Todos Viajantes, que é um post mais introspectivo, com ideias sobre a vida de quem viaja. Neste post eu faço uma reflexão sobre a atitude dos viajantes, já que muitas pessoas me diziam que queriam ter a coragem de largar tudo para trás e ser feliz. E na minha opinião, não é exatamente uma viagem que vai fazer as pessoas se sentirem mais felizes.

sicilia

4. Qual dos destinos já publicados no blog virou campeão de audiência?

O campeão de audiência entre os destinos é o post sobre João Pessoa! Eu publiquei uma lista com as melhores praias da Paraíba e o pessoal adorou! Achei legal ser um destino brasileiro, já que a maior parte dos meus textos são lugares fora do Brasil.

Outro campeão de audiência é um texto que meu marido fez! Fiquei até com ciúmes dele, mas ele escreveu “as 9 coisas para saber antes de se casar com uma brasileira” não é exatamente sobre viagens, mas sobre a vida internacional e eu me diverti pra caramba com este texto. Já que meu blog é dividido entre destinos e ideias sobre viagem, este post funcionou bastante.

5. Na sua opinião, qual é o grande diferencial do seu blog?

Eu tento falar sobre os lugares com uma visão menos turística e mais local, buscando publicar conteúdo que às vezes somente os moradores daquele destino poderiam saber.

Dificilmente publico posts mega turísticos, a idéia é sempre passar dicas fora da rota convencional. Às vezes é inevitável falar do Big Ben ou da Torre Eiffel, mas procuro deixar estes temas para os blogs maiores e me concentrar mais na versão off-route de cada destino.

6. Quando escreve um post você se preocupa com o leitor, com a audiência, com o Google ou fica focado no simples prazer de relatar e compartilhar?

Eu me preocupo com o leitor, leio o texto várias vezes, re-escrevo até que o post fique completo, útil, agradável. Gosto de escrever fácil, coisa que seja rápida de entender e de acompanhar. Mas confesso que não escrevo estrategicamente. O texto sai redondinho, mas não é lá pensado nas palavras chave do Google ou nos números de audiência. Mas já tô estudando o tal do SEO para começar a aplicar essas coisas no blog!

7. Como você cultiva sua comunidade de leitores, qual é sua relação com eles?

Procuro sempre responder aos comentários e perguntas que aparecem no blog, nas redes sociais ou por e-mail. Tem leitor que me procura para um café, eu adoro! É legal ir construindo essa rede, falar sobre viagens é sempre um ótimo tema para conhecer gente nova e fazer amizades.

8. Por que você resolveu se associar à ABBV?

Para entrar em contato com os grandes profissionais, conhecer melhor setor de turismo e de mídia para o turismo e aprender muito! Acho que fazer parte de um grupo tão especializado só pode trazer benefícios para todas as partes.

9. Conte um mico ou perrengue de viagem?

Nossa eu toda hora pago um mico nas minhas viagens! Esses dias eu estava chegando em Zurique e peguei o tram 14, que deveria ir à estação “Seebach”. Daí eu olho no painel e tava escrito Wilkommen, fiquei muito brava que tinha entrado no tram para o destino errado. Liguei pro marido dizendo que ia me atrasar, me levantei e perdi meu lugar, apertei o botão para sair até que me dei conta que Willkommen significa Welcome, em Alemão. oo

10. Qual sua meta 2015 para o blog?

Minhas metas são continuar escrevendo constantemente e cobrir o maior número de destinos possíveis! Quero que os leitores do blog encontrem de tudo, que não faltem cidades para que eles possam se inspirar! Como o mundo é gigante, vai dar trabalho, mas o bom é que dá pra fazer isso pelo resto da vida! 😀

neuschwanstein

Você acabou de conhecer a Blogueira de viagens Juliana Guimarães do Blog Eu ando pelo Mundo.

Favorite já | Eu Ando pelo Mundo

Siga Eu Ando pelo Mundo no twitter: Eu Ando pelo Mundo

Curta Eu Ando pelo Mundo no Facebook: Eu Ando pelo Mundo

________________

Fotos: Eu Ando pelo Mundo

________________

Veja aqui as entrevistas anteriores com os Associados ABBV!

Facebook Twitter Plusone

Comentários

  1. 13 out, 2014
    sandra

    adorei a entrevista!! Conhecer um pouco da personalidade do blogueira(o) é uma iniciativa bem legal!!
    Sucesso Ju!

    Responder

  2. 15 out, 2014

    Muito legal a entrevista! 🙂

    Responder

Deixe seu comentário:





Comentários